Pesquisas em andamento

||Pesquisas em andamento
Pesquisas em andamento2020-10-26T10:11:33-03:00
GRUPO DE PESQUISA

Pesquisas em Andamento NUPEC

Em 2003 foi criado no Centro Universitário Unihorizontes o Grupo de Estudos Organizacionais (GEO), que em 2006 foi reestruturado e passou a se chamar NUPEC, constituindo-se em um Núcleo de apoio à Linha de Pesquisa Estratégia, Inovação e Competitividade. O NUPEC dá base para os seguintes eixos e temas de pesquisa.

a) Estratégia;

b) Relacionamento com o mercado e sociedade;

c) Gestão da inovação;

d) Inovação social.

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: Organização e Estratégia

LINHA DE PESQUISA: Estratégia, Inovação e Competitividade

COORDENAÇÃO: Prof.ª Dr.ª Caissa Veloso e Sousa

.

PROJETO: Análise das ações de Marketing Social e seus impactos sobre o bem estar da população

DESCRIÇÃO: Este projeto se situa no âmbito do marketing social, visando analisar as estratégias de marketing promovidas pelo governo e por organizações não governamentais, que têm como objetivo a melhora do bem estar social, em diversas vertentes. O bem-estar dos cidadãos é uma questão de interesse governamental, tanto no que tange ao contexto dos próprios cidadãos, quanto do governo em si. Nesse aspecto, os pesquisadores que compõem o presente projeto selecionaram algumas causas que são de interesse da sociedade e para as quais têm expertise no desenvolvimento de instrumental analítico. As causas previamente selecionadas são: álcool e drogas, câncer de mama, consumo de tabaco, doação de sangue, doação de órgãos, posse responsável de animais, proteção das crianças e adolescentes, trânsito seguro. Como objetivo geral pretende-se identificar e analisar os principais fatores que influenciam os indivíduos a adotarem comportamentos socialmente desejáveis, a partir das estratégias de marketing social promovidas pelos órgãos governamentais. De forma específica pretende-se: identificar os elementos convincentes que sensibilizam os indivíduos a adotarem comportamentos socialmente desejáveis; identificar os elementos persuasivos que influenciam os indivíduos a adotarem comportamentos socialmente desejáveis; construir modelos analíticos representem as relações entre os fatores que influenciam a intenção para a adoção de comportamento socialmente desejáveis; apresentar contribuições acerca das estratégias de marketing social adotadas em prol das causas propostas; identificar diferenças sócio-demográficas que possam justificar a adoção de estratégias distintas entre substratos da população. A metodologia estará pautada em métricas de abordagem qualitativa (entrevistas e técnicas projetivas) e quantitativas, o que permitirá a triangulação dos dados.

COORDENADORA: Caissa Veloso e Sousa

DISCENTE DE MESTRADO: Glauco Thadeu Correa Silva; Hugo Viol Faria; Matheus Eduardo Rhemann Dias da Silva; Rodrigo Genoves Varanda

PARTICIPANTES EXTERNOS: Christienne Lopes da Silva; Italo Pacheco Gomes Caixeta; Tiago Setebrine de Oliveira

FINANCIADOR: Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico – CNPq (Bolsa Produtividade em Pesquisa)

PUBLICAÇÕES VINCULADAS: clique aqui

PROJETO: Comportamento do Consumidor: do marketing tradicional ao marketing digital

DESCRIÇÃO: O presente projeto compreende uma continuidade do projeto: Estratégia e Marketing em Ambiente de Inovação. Especialmente após a segunda metade do século XX observam-se transformações econômicas e sociais que impactaram em diversos aspectos, tanto no cotidiano dos indivíduos como organizacional. Nesse contexto, desde a década de 1970, os países de diversas partes do mundo têm apresentado transformações políticas, econômicas e sociais. Essas transformações direcionam o comportamento dos indivíduos a uma adaptação voltada para o consumo e a aquisição de bens a fim de atender os anseios pessoais. A abertura do mercado nacional para o mundo desperta uma reflexão positiva sobre a possibilidade de se ampliar a oferta de empregos e oferecer produtos diversificados. Considerando esse cenário, as discussões sobre o papel do marketing, bem como das estratégias organizacionais, passam por um contexto histórico e diferenciador, que devem considerar não apenas as organizações, como a sociedade e o indivíduo, como entes presentes no processo de transformação. Tais argumentações ensejam o desenvolvimento de quatro questões, que norteiam o projeto, a saber: i) como são formuladas as estratégias nas organizações contemporâneas?; ii) como se dão as relações de consumo e de produção no cenário contemporâneo e de inovação?; iii) é possível analisar os fenômenos que permeiam as relações de consumo, a partir de abordagens interdisciplinares e transdisciplinares, a partir de metodologias distintas, porém complementares? iv) como o marketing social pode contribuir para uma melhora do bem estar social? Espera-se que os estudos iniciados a partir desse projeto contemplem abordagens qualitativas e quantitativas de pesquisa, além de métricas que permitam a triangulação na exposição do mesmo fenômeno, ou de fenômenos similares. Nesse sentido, além dos estudos que envolvem entrevistas (individuais ou em grupos) este estudo utilizará técnicas de observação e projeção para a identificação de fenômenos relacionados ao Marketing e as Organizações.

COORDENADORA: Caíssa Veloso e Sousa

DISCENTE DE MESTRADO: Cristina Prezoti; Fabiano Soares dos Santos; Patricia Adelaide Guimarães.

PARTICIPANTES EXTERNOS: Alexandre Gomes Nick; Daniele Teixeira Vieira Hott.

FINANCIADOR: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais – FAPEMIG (Bolsa de Mestrado e Doutorado)

PUBLICAÇÕES VINCULADAS: clique aqui 

PROJETO: Empreendedorismo em Minas Gerais em múltiplas perspectivas

DESCRIÇÃO: Esse projeto compreende uma continuidade do projeto “Empreendedorismo em Minas Gerais”. O conceito de empreendedorismo vem ganhando diferentes contornos na literatura, a depender da utilização do termo em um contexto econômico, social ou cultura. Partindo desse pressuposto, o empreendedorismo possui diferentes vertentes de análise. Assim, o objetivo deste projeto de pesquisa consiste em descrever e analisar os modelos mentais, a trajetória gerencial, estratégica internacional, criativa e histórica dos empreendedores de Minas Gerais e de suas empresas. Este projeto de pesquisa permite estudar as vertentes que abarcam a trajetória de vida de empreendedores, empreendedorismo cultural, empreendedorismo criativo, competências empreendedoras, empreendedorismo social, empreendedorismo e saúde mental dos empreendedores, entre outros temas igualmente importantes. Para tanto poderão ser utilizados métodos quantitativos e qualitativos de levantamento de dados. Tais levantamentos poderão ter funções exploratória, descritiva, interpretativa, explicativa, entre outros, dependendo do fenômeno que estará sob investigação.

COORDENADORA: Marlene Catarina de Oliveira Lopes Melo

DISCENTE DE MESTRADO: Marcelo Manoel da Costa; Karine Cristine Brandao

DOCENTES: Wendel Alex Castro Silva; Maria Elizabeth Antunes Lima; Luciano Zille Pereira; Caissa Veloso e Sousa

PUBLICAÇÕES VINCULADAS: clique aqui

PROJETO: Marketing, Estratégia e Inovação determinando a competitividade na Indústria 4.0

DESCRIÇÃO: A literatura acadêmica e a de negócios vêm explorando intensamente os temas do Marketing, da Estratégia e da Inovação, especialmente nas últimas três décadas. Neste contexto, diversas fronteiras destes temas vão se tornando protagonistas como sujeitos e objetos de estudos. Com a intensificação das mudanças econômicas, sociais, impactos ambientais e especialmente da tecnologia nos países mais avançados, mas com reflexos em todo o mundo, emerge a necessidade de se contextualizar estes temas no sentido da orientação de suas ações à competitividade e sustentabilidade. A evolução atual da tecnologia evidencia um salto radical em produtos, serviços e soluções, permitindo prognosticar relevantes impactos nestas dimensões. Este fenômeno recebe a denominação de Nova Revolução Industrial, o Indústria 4.0. É neste contexto que se estabelece este projeto de pesquisa. O objetivo geral consiste em propor e analisar um modelo capaz de contribuir à geração e disseminação de conhecimentos em Marketing, Estratégia e Inovação como determinantes da competitividade sustentável no ambiente da Indústria 4.0. Pretende-se eleger um setor de negócios com este perfil, sendo aplicada uma metodologia de pesquisa dual: qualitativa e quantitativa. Para a pesquisa qualitativa pretende-se utilizar tecnologias de vanguarda de processamento de informações; para a quantitativa pretende-se utilizar critérios estatísticos de validação de construtos e variáveis. Como resultados, espera-se encontrar consistência entre conteúdos e avaliações das literaturas estrangeira e brasileira e a realidade manifestada por empresas de Minas Gerais.

COORDENADOR: José Edson Lara

DISCENTE DE MESTRADO: Claudia Maria Araujo Esteves; Felipe Alvim Quinet de Andrade; Flavia Duarte Carvalho Torres; Gustavo Samuel Cunha; Julio Cesar da Costa; Rodrigo Henrique Aloe; Sandoval Moura Silva Junior; Sarah Dantas Rabelo Mota; Valter Rodrigues Ferreira; Waltinho Edijan Alves; Wellington Goncalves de Castro

DOCENTES: Gustavo Rodrigues Cunha; Hudson Fernandes Amaral; Wendel Alex Castro Silva

PUBLICAÇÕES VINCULADAS: clique aqui

PROJETO: Inteligência de mercado na gestão contemporânea de Marketing para obtenção de vantagem competitiva sustentável

DESCRIÇÃO: O atual contexto mercadológico tem apresentado desafios para a gestão contemporânea de Marketing nas organizações, exigindo dinamicidade, velocidade e assertividade na tomada de decisão. Partindo do modelo teórico de Faluba, Soares e Shigaki (2018) e tendo em vista que a contemporaneidade é, segundo Aganbem (2009), uma relação singular com o próprio tempo, exigindo uma observação com isenção para melhor compreender este processo de constante desconexão, este projeto visa atender a seguinte questão problema: como a inteligência de mercado promove impacto e desenvolve uma organização longeva? Com vistas a atender a questão norteadora, tem-se por objetivos específicos: (a) entender o papel da inteligência de mercado na formulação de estratégias; (b) compreender como a transformação digital está alterando os modelos de negócios e suas estratégias organizacionais e, (c) analisar como as empresas estabelecem os seus padrões para compreender o contexto no qual estão inseridas.

COORDENADORA: Helena Belintani Shigaki

DISCENTE DE MESTRADO: Wellington Gonçalves de Castro; Joice Batista Maciel Lopes; Isabella Cardoso Amaral; Murilo Cautiero Abi Acl; Bianca Virginia Rodrigues De Freitas; Valter Rodrigues Ferreira; Priscila Lacerda de Souza Samper.

PUBLICAÇÕES VINCULADAS: clique aqui

PROJETO: Marketing Digital como estratégia no cenário pós-pandêmico

DESCRIÇÃO: Na atualidade, um estrategista de Marketing precisa levar em consideração tanto o seu público, quanto os seus próprios objetivos empresariais, para poder conhecer, atender, satisfazer e fidelizar seus clientes. Isso já coloca o público no centro de qualquer ação de Marketing, inclusive estratégias no ambiente digital. Por esse ângulo, vê-se um movimento, na atualidade, de estudos voltados para as temáticas de Customer Centricity (Centralidade no Cliente) e Customer Experience (Experiência do Cliente), com uma gestão orientada justamente para o entendimento e entrega de soluções (Vlašić & Tutek, 2017). Gabriel (2010) observa que, se o comportamento do consumidor muda e ele passa a utilizar novas plataformas, as estratégias de Marketing também precisam mudar. Diante do atual cenário e considerando as mudanças recentes no comportamento do cliente, este projeto possui quatro frentes, sendo (a) a primeira em user e consumer experience, como formas de entendimento da aceleração da jornada do consumidor em tempos de pandemia e pós-pandemia; (b) a segunda em mídias digitais, com foco nos processos de comunicação e geração de conteúdo, diante da digitalização forçada de muitas empresa brasileiras; (c) a terceira em analytics e key performance indicator, para auxiliar na compreensão do novo comportamento do consumidor e auxiliar nas estratégias empresariais e; (d) a quarta em ética e gerenciamento de crises, como forma de prevenção e administração de crises no meio digital, respectivamente, com soluções estratégicas ágeis.

COORDENADORA: Helena Belintani Shigaki

DISCENTE DE MESTRADO: Rodrigo Henrique Aloe; Douglas Belato Papini; Jordana de Castro Sousa; Julio Cesar da Costa; Vagner Antonio Vieitas Marques; Felipe Alvim Quinet de Andrade.

DOCENTES: Caissa Veloso e Sousa

PARTICIPANTES EXTERNOS: Luciana Alves Rodas Vera

PUBLICAÇÕES VINCULADAS: clique aqui